Tratamento dos Defeitos Congênitos da Face

Esse tipo de tratamento visa reconstruir a face que sofreu alterações devido a defeitos congênitos provocados por doenças como hiperteleorbitismo, doença de Crouzon e síndrome de Apert. As cirurgias desse tratamento podem ser realizadas em todas as mulheres e homens, inclusive crianças, que possuem má formação da face e os procedimentos visam suavizar e harmonizar o contorno facial, podendo melhorar a autoestima do paciente.

Duração do procedimentoVariável
Quem pode fazerMulheres e homens, inclusive crianças, que possuem defeitos congênitos na face.
Pós-operatórioO paciente deve seguir as orientações do cirurgião plástico e não deixar de tomar a medicação indicada.

Após uma conversa detalhada com o Cirurgião Plástico para entender todas as necessidades do paciente, o tratamento dos defeitos congênitos da face será planejado de acordo com a estrutura do rosto do paciente e a complexidade das alterações necessárias. Tudo isso para obter as melhores alterações cirúrgicas, reduzindo ou eliminando os graus de deformidade.

Podem ser aplicadas diversas técnicas cirúrgicas para o tratamento dos defeitos congênitos da face. Quando a reconstrução é feita em tecidos moles, como a pele, o médico poderá realizar retalhos cutâneos, com a irrigação de sangue do tecido cutâneo, ou enxerto, quando é retirada a pele, cartilagem ou o osso de uma região para ser aplicada em outra.

É muito importante marcar seu tratamento com um Cirurgião Plástico especializado nesse tipo de procedimento. O Cirurgião Crâniomaxilofacial possui experiência específica para essa cirurgia reconstrutiva, fazendo com que o paciente se sinta mais seguro e tranquilo. Converse com seu cirurgião, ele esclarecerá TODAS as suas dúvidas sobre os procedimentos a serem realizados.

Mova a barra central para ver o antes e depois.
Imagens meramente ilustrativas de caráter educativo. Não devem ser interpretadas
como garantia de resultados.